A disciplina tem por objetivo discutir estudos de casos, buscando um conhecimento aplicado do design tecnológico e ambientes inteligentes tanto em termos tecnológicos como conceituais. O curso se organiza a partir de problematizações que orbitam em torno de projetos e abrangem as relações entre Ciência e mídias sociais, a partir das vertentes das estéticas tecnológicas [bancos de dados; inteligência artificial (AI), narrativas transmídia, aplicativos e inteligência coletiva], assim como práticas baseadas em redes e localização. 

Objetivo: Passar uma visão conceitual da sociedade da informação, incluindo tendências sobre aspectos como linguagem, evolução da narratividade como práxis no século 21, convergência midiática e fluxos informacionais são conhecimentos fundamentais que serão apresentados na disciplina, que tem caráter essencialmente reflexivo com análise de diversos estudos de casos. 

Justificativa: A disciplina Estudo de Casos e Laboratório do Design Tecnológico em Ambientes Inteligentes (ECLDTAI) está estruturada em 10 pontos chave: 1. Tecnologia como processo de transformação cultural da sociedade. 2. As tecnologias da escrita e o impacto na produção do conhecimento. 3. O pensamento aristotélico: estruturação da cultura. 4. Transformações sociais e informacionais. 5. A revolução das tecnologias da informação e a questão do Humano. 6. Sociedade dos fluxos em cases atuais. 7. Da linearidade do conhecimento à Rede: problemas e questões da Internet. 8. O espaço geográfico e a quebra das fronteiras. 9. O surgimento da pós-verdade e das bolhas sociais. 10. O novo sujeito conectivo.